24 de abr de 2009

Ser artista


Há dias venho pensando muito nessa minha mudança e no que realmente quero do meu futuro...o coisa complicada de decidir, hehe. Sempre gostei de teatro, amo as artes em geral mas nunca tive coragem de seguir o conselho de um grande amigo meu: larga tudo e vamos viver de arte! Isso me dizia ele toda vez que nos encontrávamos em Porto Alegre.

Hoje li em seu blog um texto que fala sobre o ser artista e me emocionei demais:

"Não posso medicar, mas posso provocar sorrisos. Não posso criar leis, mas posso estimular sensações. Não posso construir prédios, mas posso destruir verdades, posso construir buracos, onde alguém pode se perder, para daí talvez se encontrar. E antes que se esqueça: sou artista." (Diego Esteves)

Os primeiros passos foram dados nessa direção: mudei de país, voltei a fazer tecido e estou estudando algo realmente voltado a esse mundo de espetáculos que tanto me encanta.

Resta agora traçar meu caminho nesses dois anos que vou ficar aqui. Uma certeza eu tenho: mesmo que não viva de arte a arte sempre vai estar na minha vida.


2 comentários:

  1. Dá le Ziza! Ver tua alegria pendurada nos panos dá a medida de tua paixão.
    Felicidades
    Artemio

    ResponderExcluir
  2. Hola, chica!
    Hasta que un día llegué por acá...está muy bueno eso todo. Y mucho mejor es saber que tu estás, bien, feliz, y encontrando tu camino.

    Besos
    Taís

    ResponderExcluir