25 de nov de 2010

Um brinde à amizade!

Depois de muito tempo sem escrever venho fazer uma pequena homenagem a uma pessoa que fez toda a diferença na minha vida portenha: Michele!
Uma grande guria que tive o prazer de conhecer quando cheguei aqui e com quem dividi vários momentos, uns felizes e outros nem tanto, mas que sempre esteve presente de alguma forma no meu dia-a-dia.
Escrevo porque sábado ela está completando esse ciclo e voltando ao Brasil. Felicidade pra ela que vai retomar a vida em família, o contato com os amigos de lá e vários corações apertados, cheios de saudades que ficarão aqui em Buenos Aires.
Acho que o que mais me toca nessa situação é me dar conta que meu ciclo aqui também está terminando e ainda não decidi o que fazer (isto é assunto pra outro post...) e saber que em algum momento vou ter que me despedir da galera daqui.
É díficil, o coração fica dividido, mas uma coisa é certa: a amizade sempre fica, independente da parte do mundo em que estivermos, porque os laços que criamos aqui nesses quase dois anos de convivência ninguém desfaz. Afinal como diz o poeta Jorge Drexler: nada se pierde, todo se transforma!"

TE ADORO Mi, muito boa sorte nessa nova jornada e estarei sempre aqui pro que tu precisar!!